Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a24

"Todos elogiam o sonho, que é o descansar da vida. Mas é o contrário, Doutor. A gente precisa do viver para descansar dos sonhos"

a24

"Todos elogiam o sonho, que é o descansar da vida. Mas é o contrário, Doutor. A gente precisa do viver para descansar dos sonhos"

30.12.19

...


a24

 

28.12.19

...


a24

 

28.12.19

...


a24

 

28.12.19

...


a24

 

*tempo de fazer um balanço

a 2019,

agradeço por me ter ensinado a percorrer o caminho mais certo e não o caminho mais fácil. por me ter ensinado a mudar as perguntas quando as respostas estavam erradas. por me ter mostrado que nos tornamos sempre mais fortes depois de partidos, e que há pessoas que entram nas nossas vidas para nos ajudar a sair da vida de outras pessoas.
agradeço por me ter obrigado a dar zero importância aos que não me conhecem do lado de dentro e me julgam pelo lado de fora. por me ter repetido, todos os dias, que a vida é curta demais para perder tempo a dizer sim quando quero dizer não. por me lembrar que obrigada, estou aqui para ti, amo-te, perdoo-te, desculpa-me e mereces ser feliz! são as pontes-milagre que somos capazes de construir depois de chorar rios.
a 2019 agradeço, muito, por nunca me deixar esquecer que a palavra mais bonita que existe chama-se acreditar e que é ela (somada com trabalho, amor e fé) que me leva sempre até onde eu quero chegar

 

Às 9 no meu blogue

28.12.19

...


a24

 

27.12.19

...


a24

 

26.12.19

...


a24

 

 

Os irmãos são aquelas pessoas que crescem connosco e que não deixam que nos falte a infância em nenhum momento da nossa vida. Os irmãos são a nossa infância sempre, mesmo quando formos velhinhos, porque partilham connosco um passado que fica até ao fim. Nunca vai embora. Os irmãos são as brincadeiras e os segredos. São os Natais e as férias grandes. São as asneiras que se fazem e as culpas que se põem nos irmãos. Foi ele, não fui eu. São as aventuras. São as conversas pela noite dentro. São os sustos. São os amuos, as birras e as denúncias. Mexem nas coisas uns dos outros sem pedir autorização, sobretudo quando são confidenciais. São aquelas pessoas que são capazes de fazer queixinha dos irmãos em benefício próprio e de os entregar às autoridades: os pais. Às vezes, têm ciúmes dos irmãos e querem ficar com o amor dos pais só para si, mas isso é só enquanto não descobrem que o amor da mãe e do pai dá para todos e enquanto não descobrem que são capazes de dar a vida pelos irmãos. Os irmãos podem dar-se como o cão e o gato, mas são capazes de reunir esforços para dar cabo da paciência aos pais e de ser unidos como as fibras de uma corda. Ninguém se mete com o meu irmão é o lema dos irmãos. Os irmãos são feitos daquela cumplicidade à prova de vida e gostam tanto dos irmãos que, quando crescem, lhes dão sobrinhos. Os irmãos somos nós com outro nome e outro corpo, mas o coração é o nosso.

lado.a.lado

25.12.19

...


a24

 

18.12.19

...


a24

 

16.12.19

...


a24

 

 

 

Este ano não te posso comprar nenhum presente, disse a mãe, como todos os anos dizia. Não faz mal, respondeu o menino, como todos os anos respondia. Talvez para o ano as coisas sejam diferentes, disse a mãe, na mesma voz com que rezava todas as noites. Talvez, mãe, respondeu o menino, na mesma voz com que mentia. Se eu conseguisse juntar dinheiro, meu filho, pensou a mãe. Se eu conseguisse juntar os bocadinhos do teu coração, minha mãe, pensou o menino. Um dia, vou dar-te o que me pedires, prometeu a mãe. É hoje, dá-me a mão, pediu o filho, o amor é sempre hoje.

lado.a.lado

Pág. 1/3